Projeto Diversidade Sexual, Saúde e Direitos entre Jovens lança guia sobre sexo mais seguro no século 21


O Projeto Diversidade Sexual, Saúde e Direitos entre Jovens lançou nessa quarta-feira (25) a publicação “Sexo Mais Seguro – um guia sobre sexo, prazer e saúde no Século 21″. O lançamento ocorreu após a realização do “Seminário Ativismo Cultural, HIV e AIDS”, na sede da ABIA, Centro (RJ).

O guia já está disponibilizado tanto na versão física como na versão online e é direcionado para pessoas maiores de 18 anos que vivem ou não com HIV/AIDS. No entanto, as versões impressas têm conteúdos específicos para determinadas populações como: HSH(Homens que fazem Sexo com outros Homens), mulheres e população trans (travestis e transexuais). Outra novidade da publicação é o conteúdo mais interativo através de contos eróticos disponibilizados ao fim de cada prática sexual.

A publicação contém informações sobre como se prevenir do HIV e orientações sobre a prevenção de infecções sexualmente transmissíveis (IST’s). Além disso, o guia disponibiliza um glossário com terminologias técnicas e expressões populares sobre práticas sexuais e outras palavras usadas para lidar com sexualidade, prazer e saúde.

O objetivo do guia é disponibilizar informações diversas a partir de uma abordagem mais atualizada e aberta sobre a sexualidade. “As pessoas podem acessar a página da ABIA ou a página do Projeto Diversidade Sexual, Saúde e Direitos entre Jovens e se conectarem a um repositório de informações sobre sexo e prazer com foco na saúde. Queremos que usem estas informações de uma maneira que faça sentido para suas vidas”, adiantou Richard Parker, diretor-presidente da instituição.

A construção do material contou com a colaboração de médicos, cientistas sociais, jornalistas, entre outros, além de grupos focais organizados especialmente para contribuir com o conteúdo.

Com uma linguagem simples e fotografias reais, o guia tenta dialogar sobre o sexo mais seguro a partir das fantasias e imagens sensuais. “Usamos a técnica do teatro expressionista para dialogar com estes públicos e debater sobre as linguagens e práticas sexuais que estão hoje em uso. Estamos falando de um guia para o século 21 elaborado para que as pessoas entendam o que está acontecendo no corpo delas”, afirmou Vagner de Almeida, coordenador do Projeto Diversidade Sexual, Saúde e Direitos entre Jovens.

O médico, coordenador da área de promoção da saúde e prevenção da ABIA e responsável pelo conteúdo técnico do guia, Juan Carlos Raxach, lembra que um outro objetivo do guia é ir além da biomedicalização. “As pessoas têm o direito de saber que existem a profilaxia Pós-Exposição (PEP) e o tratamento como prevenção, entre outros métodos que constam no guia, mas também de exercerem o seu direito de escolha. Não é o profissional de saúde quem deve ditar o que o indivíduo deve fazer da sua vida sexual”.

“Sexo Mais Seguro – um guia sobre sexo, prazer e saúde no Século 21” é mais uma realização do Projeto Diversidade Sexual, Saúde e Direitos entre Jovens da Associação Brasileira Interdisciplinar de Aids e contou com o apoio da MAC AIDS Fund. Para fazer o download clique aqui.

 

Com colaboração da Comunicação ABIA

Texto: Jéssica Marinho

 

%d blogueiros gostam disto: